Geral

Estado não assumirá Hospital Universitário, diz Alckmin

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Estado não assumirá Hospital Universitário, diz Alckmin
fonte:
Estado não assumirá Hospital Universitário, diz Alckmin

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) foi alvo de um protesto de funcionários do Hospital Universitário (HU) da Universidade de São Paulo (USP) em visita que fez nesta quinta-feira, 11, ao antigo Hospital Pan-Americano na zona oeste da capital paulista. Os funcionários cobraram o governador sobre uma posição quanto à desvinculação do HU da administração da USP. O governador se comprometeu a defender a causa deles, que é manter o HU aos cuidados da USP.

"A Universidade de São Paulo - não nós - foi quem levantou a hipótese de passar o hospital para a Secretaria de Saúde", disse o governador, após ouvir as queixas dos funcionários durante entrevista coletiva.

"Nós não temos nenhuma posição favorável a isso", afirmou Alckmin. "A iniciativa foi do reitor (Marco Antonio Zago). Nós não temos nenhum interesse que passem o Hospital Universitário para nós (Estado)." Ao se comprometer com os funcionários, o governador foi aplaudido.

O secretário de Saúde, David Uip, disse que o Estado não interfere nas decisões do Conselho Universitário da USP. "Esse conselho vai decidir o que a universidade quer. A decisão do governador é uma decisão tomada", disse Uip. "Esse assunto não é pertinente, não é agora e não é conosco. Esse assunto é próprio da USP. Nós não temos nada a ver com isso."

continua após publicidade