Geral

Disque-Denúncia dá recompensa de R$ 2.000 por informação sobre balões

Da Redação ·
  Cartaz informa número e incentiva ato de denúnciar criminosos
fonte: Divulgação/R7
Cartaz informa número e incentiva ato de denúnciar criminosos

O Disque-Denúncia do Rio de Janeiro aumentou para até R$ 2.000 a recompensa oferecida por informações sobre a fabricação clandestina de balões, além da soltura, evento e comercialização. Isso ocorreu por causa de um incêndio que atingiu o morro dos Cabritos, na zona sul, neste fim de semana e provocou a devastação de uma área de mata equivalente a quatro campos de futebol. A suspeita é de que um balão iniciou o incêndio.

continua após publicidade

A campanha, que é sazonal, funciona desde 1999 entre os meses de abril e setembro, já ajudou a polícia do Rio a recolher mais de 640 balões de tamanhos variados – o menor de um metro e o maior de 65.

continua após publicidade

Neste ano foram registradas 236 denúncias sobre o assunto, sendo que foram recolhidos 18 balões de tamanhos variados, mais de 500 fogos de artifícios, além de cangalhas e farto material para confecção de balões.

continua após publicidade

No ano de 2009 foram registradas 660 denúncias e foram apreendidos cerca de 98 balões, 489 morteiros, 15 botijões de gás, 1.548 fogos de artifícios, 17 maçaricos e farto material para confecção, além de 23 pessoas autuadas. A recompensa oferecida era de R$ 300 até R$ 1.000 por informações deste tipo.

As ligações para o Disque-Denúncia podem ser feitas durante 24 horas e o denunciante fica em anonimato. Todas as informações são repassadas ao Batalhão de Polícia Florestal e Meio Ambiente (BPFMA) ou para a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA). O telefone é 0/xx/21/2253-1177.