Geral

Fotógrafo foi fuzilado na frente do filho

Da Redação ·

O fotógrafo Márcio Alexandre de Souza, de 36 anos, foi morto, no início da tarde deste domingo (20), com pelo menos dez tiros de fuzil, na frente do filho de 11 anos, quando voltava para casa, em São Cristóvão, na zona norte do Rio de Janeiro.

continua após publicidade

Souza prestava serviço à Rede Globo e , em março, havia viajado para a Itália, acompanhando as gravações da novela Passione.

continua após publicidade

Segundo o delegado Pablo Rodrigues, da Delegacia de Homicídios, todas as hipóteses são possíveis e ainda não há como determinar as causas do crime.

continua após publicidade

O corpo do fotógrafo de 36 anos foi encontrado próximo da casa onde morava com a família, em um dos acessos do morro do Tuiuti, na esquina das ruas General Padilha e Américo de Souza.

Equipes da Divisão de Homicídios estiveram no local investigando o caso. Como não foram encontrados cartuchos de munição no local, policiais acreditam que os tiros tenham sido disparados de uma longa distância ou mesmo de dentro de um carro. Apenas o celular da vítima teria sido levado pelos criminosos.

continua após publicidade

Familiares da vítima acreditam que ele tenha sido confundido com alguém e morto por traficantes da área.