Geral

Deslizamentos de terra deixam 28 mortos no Peru

Da Redação ·
 Alguns corpos foram resgatados pela polícia no rio Huallaga, a vários quilômetros do local da avalanche
fonte: Arquivo
Alguns corpos foram resgatados pela polícia no rio Huallaga, a vários quilômetros do local da avalanche

Deslizamentos de terra provocados por fortes chuvas no povoado de Ambo, no nordeste do Peru, deixaram pelo menos 28 mortos e 25 pessoas seguem desaparecidas, segundo a Defesa Civil.

continua após publicidade


Segundo Hipólito Cruchaga, diretor regional da Defesa Civil de Huánuco, a avalanche deixou ainda 50 feridos.

Alguns corpos foram resgatados pela polícia no rio Huallaga, a vários quilômetros do local da avalanche.

continua após publicidade

O governador da região de Huánuco, Jorge Espinoza, havia informado que "toda uma população, de 400 pessoas, desapareceu totalmente". "Algumas pessoas se salvaram, mas a maior parte parece estar soterrada".

A autoridade regional informou que as equipes de socorro continuam trabalhando na remoção dos escombros no bairro pobre de El Arroyito, na busca por sobreviventes. O departamento de Huánuco está localizado a 400 km de Lima.

O deslizamento ocorreu na madrugada de sexta-feira (2), já que, depois de fortes chuvas, muita água ficou acumulada em cima de um monte, provocando a enxurrada que causou o desastre.


O gramado do estádio de futebol também foi invadido pela lama. O governo informou que os trabalhos de busca de vítimas e remoção de terra deve continuar por todo o fim de semana.