Geral

Richa autoriza implantação de novo laboratório de medicamentos

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Richa autoriza implantação de novo laboratório de medicamentos
fonte: Foto: Agência Estadual de Notícias
Richa autoriza implantação de novo laboratório de medicamentos

O Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) e a Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) produzirão, em conjunto, medicamentos básicos, de interesse do Sistema Único de Saúde (SUS). A medida vai atender demandas do Ministério da Saúde e também do estado do Paraná.

continua após publicidade

O acordo de cooperação técnica para instalação do Laboratório de Produção de Medicamentos (Lapmed) foi assinado nesta terça-feira (8) pelo governador Beto Richa, o secretário da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Carlos Gomes; o diretor-presidente do Tecpar, Júlio Felix, e o reitor em exercício da UEPG, Flávio Guimarães Kalinowski. O secretário da Saúde, Michele Caputo Neto também participou da solenidade.

“As sete universidades estaduais estão hoje participando do desenvolvimento regional como centros irradiadores de conhecimento, aproveitando a vocação de cada região do Estado”, afirmou o governador. “O Lapmed é mais um grande avanço, uma parceria que trará benefícios à população”, disse Richa.

continua após publicidade

MEDICAMENTOS - A parceria para a implantação do Lapmed foi possível com o ingresso do Tecpar na área de produção de medicamentos. As duas primeiras linhas de produção – sólidos e semi-sólidos – deverão entrar em funcionamento até o final de 2014.

O Laboratório de Produção de Medicamentos será implantado na UEPG. “É um novo espaço de um instituto qualificado dentro do campus da UEPG, que vai aproveitar, ampliar e modernizar uma estrutura já existente, partilhando conhecimento com o meio acadêmico e contribuindo com a formação dos alunos do curso de Farmácia e Bioquímica”, afirmou o secretário João Carlos Gomes.

O trabalho desenvolvido pelos pesquisadores possibilitará a transferência de tecnologias com futuros parceiros privados, geração de emprego e de renda. “Isso representa a transferência da tecnologia do Tecpar para a produção de medicamentos de alto custo, atendendo uma demanda importante da saúde pública”, afirmou Júlio Félix.

continua após publicidade

Além da instalação de um novo campus do Tecpar, o órgão está incorporando a estrutura e equipamentos do laboratório farmacêutico existente na universidade. Para o reitor em exercício da UEPG, o estágio para os alunos do curso de Farmácia no Lapmed contribuirá para elevar a capacitação dos novos profissionais. “Isso se refletirá na cura dos pacientes que precisam do medicamento”, disse ele. O secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto, lembrou que o Paraná sai à frente na produção de medicamentos de alto custo e de impacto para a saúde pública.

A estagiária do curso de Farmácia da UEPG, Luana Sovaszen, aprovou a iniciativa da parceria. “Nós vamos conseguir colocar em prática o que aprendemos em todos os anos da faculdade e estaremos mais preparados para o mercado de trabalho”, disse.

Também participaram do evento o responsável pelo Laboratório de Produção de Medicamentos da UEPG, Sinvaldo Baglie; os deputados estaduais Plauto Miró Guimarães e Duílio Genário, além de representantes da comunidade acadêmica da UEPG e do Tecpar.