Geral

Ampola com sangue do papa João Paulo 2º é roubada

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Ampola com sangue do papa João Paulo 2º é roubada
fonte:
Ampola com sangue do papa João Paulo 2º é roubada

SÃO PAULO, SP, 27 de janeiro (Folhapress) - A polícia da Itália informou hoje que uma ampola com o sangue do papa João Paulo 2º foi roubada na noite de ontem da igreja de San Pietro della Iencca, em Abruzzo, na região central do país. O local era muito visitado pelo pontífice, que morreu em 2005 e será canonizado em abril.

Segundo as autoridades, a ampola foi retirada de um relicário que também continha um crucifixo. Cerca de 50 agentes fazem buscas na região com cães farejadores, mas ainda não encontraram os criminosos. A polícia suspeita que o sangue seja usado para um ritual satânico.

A igreja fica perto da montanha do Gran Sasso, na cordilheira dos Apeninos, uma região muito querida por João Paulo 2º que a visitou várias vezes para meditar, passear e até esquiar nos primeiros anos de seu pontificado, iniciado em 1978.

Só existem três frascos com sangue do papa João Paulo 2º no mundo. Em agosto de 2012, três ladrões a bordo de um trem roubaram uma mochila de um padre que continha um relicário em forma de livro onde estava a ampola de sangue do pontífice.

O material, no entanto, foi encontrado horas depois perto da estação de ferrovia de Marina di Cerveteri, no litoral de Roma. João Paulo 2º será canonizado pelo papa Francisco em 27 de abril, junto com João 23, em uma celebração no Vaticano.
 

continua após publicidade