Geral

Premier tailandês diz ter plano para solucionar crise

Da Redação ·

O primeiro-ministro da Tailândia, Abhisit Vejjajiva, disse hoje ter um plano de ação para resolver a crise política no país. Suthep Thaugsuban, vice-primeiro-ministro, afirmou que a solução "provavelmente" será dissolver o Parlamento, caso não haja o risco de mais violência.

continua após publicidade

Abhisit falou em uma sessão especial do Senado sobre o conflito político. Ele não disse quando o plano se tornará público, mas o premier sofre intensa pressão para solucionar a crise, no momento em que milhares de manifestantes contrários ao governo paralisam partes da capital há oito semanas.

continua após publicidade

Os oposicionistas, chamados Camisas Vermelhas, bloquearam vias e fecharam um bairro de compras de Bangcoc, em sua campanha para forçar o governo a dissolver o Parlamento e convocar eleições. Pelo menos 27 pessoas morreram e quase mil se feriram na violência entre manifestantes e forças de segurança.

"Apresentarei soluções políticas, podemos chamá-las de um plano de ação", afirmou Abhisit no Senado. "Para ter uma solução política, devemos escutar opiniões de todas as partes, não somente de um grupo."

continua após publicidade

Até o momento, o premier afirmou que pode convocar eleições para o fim do ano, mas não quer antecipar esse compromisso, como exigem os manifestantes. O primeiro-ministro disse esperar uma solução política, mas não descarta medidas enérgicas contra os Camisas Vermelhas.