Geral

Suzane Richthofen vence ação contra Record

Da Redação ·
Reprodução/Record
fonte:
Reprodução/Record

Suzane Von Richthofen entrou na Justiça contra Record por dano moral e ganhou a ação, segundo informações do Portal Comunique-se. A emissora de Edir Macedo foi condenada a pagar R$ 30 mil de indenização à detenta, por filmá-la dentro do presídio sem autorização prévia. As imagens de Suzane foram exibidas em outubro de 2012 no "Domingo Espetacular" e reprisadas no "Jornal da Record" e "Cidade Alerta". 

De acordo com o juiz Danilo Mansano Barioni, a exibição foi sensacionalista. Na sentença, ele alega que "não faz parte da pena imposta à autora ser filmada, sem sua ciência e autorização, e ter sua imagem veiculada como fez a ré com direitos a comentários esdrúxulos". Ainda segundo ele, a exibição foi ilegal pois os presos não podem ser considerados "atrações para serem fotografados, filmados ou comentados". 

Na ação, os advogados de Suzane também pediram que a Record fosse proibida de produzir reportagens sobre o caso, mas o juiz negou: "O interesse jornalístico, ainda que tais fatos tenham ocorrido há algum tempo, parece a mim evidente". 


As informações são do portal do Comunique-se/Bonde

continua após publicidade