Geral

Polícia apreende terceiro suspeito de fazer arrastão na Vila Mariana

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 11 de julho (Folhapress) - A Polícia Civil deteve na noite de ontem o terceiro suspeito de participar do arrastão ao restaurante Puleiro, na Vila Mariana, na zona sul de São Paulo, ocorrido na última segunda-feira. Ele é um adolescente de 17 anos e foi localizado no bairro do Glicério, na região central. Outros dois homens, Ramon de Freitas Peçanha, 18, e Fernando Ferreira da Silva, 19, já haviam sido presos durante a manhã. Os dois disseram à polícia que objetos roubados dos clientes na ação criminosa foram passados a receptadores na praça da Sé. Um quarto suspeito de participação no crime ainda é procurado. Segundo a polícia, outros quatro pessoas também foram detidas para averiguação. Um veículo Honda Fit roubado também foi apreendido durante a operação do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais), que resultou nas prisões. O carro pode ter sido usado na ação dos bandidos. Por volta das 20h de segunda-feira, quatro homens armados invadiram o restaurante, que fica na rua Domingos de Morais, e roubaram os pertences de cerca de 20 clientes. O crime foi registrado por câmeras de segurança do local. De acordo com a polícia, foram levados pelo menos três bolsas, cartões bancários, documentos, óculos, uma pulseira de prata, 8 celulares e R$ 740 dos clientes, além de de R$ 300 do caixa. A reportagem não conseguiu entrar em contato com os suspeitos nem localizar os advogados deles.  

continua após publicidade