Geral

Sobe para 60 número de desaparecidos em explosão de trem

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 10 de julho (Folhapress) - A polícia da Província de Québec, no Canadá, informou hoje que subiu para 60 o número de desaparecidos após a explosão de um trem transportando petróleo na cidade de Lac-Mégantic, na fronteira com os Estados Unidos, na madrugada de sábado. O trem de 72 vagões perdeu o freio enquanto estava parado em uma cidade vizinha, percorreu 13 quilômetros e descarrilou no centro de Lac-Mégantic. Com o impacto do acidente, a carga explodiu e destruiu cerca de 30 casas na região da linha férrea. Cerca de 2.000 pessoas tiveram que deixar suas casas. O incêndio provocado pela explosão só foi controlado na segunda-feira, depois que milhares de bombeiros canadenses e americanos terminassem o trabalho de rescaldo. Até o momento, foram confirmadas 15 mortes causadas pela tragédia. Segundo os agentes, os corpos encontrados ainda não puderam ser identificados. O porta-voz da polícia, Michel Forger, disse que o número ainda pode subir ou descer, de acordo com os resultados das buscas nos imóveis destruídos. O policial não confirmou se os investigadores irão se encontrar com Edward Burkhardt, presidente da companhia proprietária da ferrovia Montreal, Maine & Atlantic Railways (MMA), dona da composição acidentada. O chefe da empresa chegou na noite de ontem a Montreal e deve ir a Lac-Mégantic. Ele precisou ser escoltado pela polícia para deixar o aeroporto da cidade canadense e afirmou ter recebido diversas ameaças devido à explosão.  

continua após publicidade