Geral

Evangélicos vão protestar contra gastos com visita do Papa

Da Redação ·
Crédito - Agências
Crédito - Agências

A presidente Dilma Rousseff foi informada na semana passada de que as principais igrejas evangélicas preparam uma grande manifestação no Rio de Janeiro para o fim de semana de 20 e 21 de julho, véspera da chegada do papa Francisco à cidade.

continua após publicidade
confira também


O objetivo dos religiosos é reunir mais de 1 milhão de pessoas contra os gastos públicos com a visita do líder católico, estimados em 120 milhões de reais.

Dilma até admite receber lideranças evangélicas, mas não sabe o que poderia oferecer para evitar o protesto.