Geral

Doente vende anúncio em urna de cremação

Da Redação ·

Aaron Jamison tem pouco tempo de vida. Segundo os médicos, apenas alguns meses o separam do “lado de lá”. Por isso, ele tem de correr para cumprir suas duas missões.

continua após publicidade

A primeira é conscientizar o maior número de pessoas possíveis sobre o câncer. A segunda é conseguir arrecadar dinheiro para pagar sua própria cremação e a urna que irá carregar suas cinzas.

Para juntar a grana, Jamison teve uma ideia. Ele está vendendo anúncios publicitários nas duas urnas – uma vai ficar com a mulher Kristin e a outra com os pais.

continua após publicidade

Para prolongar seu tempo de vida, Jamison passa por sessões diárias de quimioterapia.

- Meu câncer no cólon se espalhou para o fígado e para o sistema linfático. Se tudo der certo, tenho nove meses de vida. Se o tratamento não funcionar, posso morrer em 90 dias. Por isso, estou dedicando todo o meu tempo na venda dos anúncios.

Jamison cuida de toda a situação com muito senso de humor, o que chega até a assustar sua mulher, que está acostumada com o estilo fanfarrão do marido.

continua após publicidade

- Eu pedi a mão dela em casamento em apenas um mês. Para quem já fez isso na vida, vender anúncios em uma urna cheia de cinzas de um morto não é nada.

A campanha vem dando resultados. O dono de um restaurante em Remington, Estados Unidos, já comprou uma das “cotas de patrocínio”. Outras pessoas já disseram que pretender apoiar Jamison.

O rapaz vai pintar os anúncios à mão e espera arrecadar até R$ 1.400 (US$ 800).