Geral

Exterior-Notas

Da Redação ·

Obama planeja indicar republicano para direção do FBI PROIBIDA A REPRODUÇÃO EM INTERNET SÃO PAULO, SP, 29 de maio (Folhapress) - O presidente dos EUA, Barack Obama, planeja apontar James B. Comey, 52, um ex-executivo que serviu no Departamento da Justiça sob o governo Bush (2001-2009), como o novo diretor do FBI (a polícia federal americana). De acordo com o "New York Times", ao escolher um republicano, o presidente democrata estaria tentando transmitir aliança aos rivais, de modo a facilitar outras nomeações. Capriles é recebido pelo presidente da Colômbia em visita PROIBIDA A REPRODUÇÃO EM INTERNET SÃO PAULO, SP, 29 de maio (Folhapress) - O líder opositor venezuelano, Henrique Capriles, que perdeu as eleições para Nicolás Maduro em abril, foi recebido hoje pelo presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, em Bogotá. Ele denunciou o não cumprimento da auditoria sobre o resultado do pleito no país procedimento apoiado pela Unasul. O presidente do Congresso venezuelano, Diosdado Cabello, classificou como agressão a reunião. Cartas enviadas ao prefeito de NY podem conter ricina SÃO PAULO, SP, 29 de maio (Folhapress) - Duas cartas endereçadas ao prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, foram testadas e, segundo a polícia, podem conter a substância letal ricina. Segundo o Departamento de Polícia de Nova York, testes preliminares feitos nas duas cartas, abertas em Nova York e em Washington, indicaram a presença da substância. Ambas as cartas continham ameaças contra Bloomberg. Funcionários que tiveram contato com as cartas manifestaram alguns sintomas característicos da exposição à substância, segundo a polícia. Uma das cartas foi aberta no último domingo em Washington pelo diretor do grupo Prefeitos Contra Armas Ilegais, Mark Glaze. O grupo, fundado por Bloomberg, faz lobby por um controle de armas mais rigoroso. A outra carta foi aberta na última sexta-feira em Manhattan. De acordo com a polícia, as duas cartas falavam sobre o debate em relação às armas nos EUA. Em evento, Obama explica marca de batom na camisa; veja vídeo SÃO PAULO, SP, 29 de maio (Folhapress) - O presidente dos EUA, Barack Obama, protagonizou um momento marcado pelo bom humor durante uma cerimônia na Casa Branca na noite de ontem. Durante cerimônia do mês de celebração da herança asiática-americana e dos povos das ilhas do Pacífico, Obama agradeceu aos presentes pelo "incrível calor da recepção" e brincou: "um sinal do calor é o batom no meu pescoço", disse o presidente, apontando para o colarinho da camisa suja de maquiagem. Em seguida, Obama apontou para a estrela do "American Idol", Jessica Sanchez e disse que a tia da cantora foi a "responsável" pela marca. Obama continuou a brincadeira e disse que queria que a plateia fosse "testemunha". "Não quero ter problemas com Michelle [primeira-dama dos EUA]. É por isso que estou falando na frente de todos." Procurador argentino acusa Irã de se infiltrar em países sul-americanos SÃO PAULO, SP, 29 de maio (Folhapress) - O procurador Alberto Nisman, que investiga o atentado contra o centro judaíco Amia, em Buenos Aires, que em 1994 deixou 85 mortos e mais de 300 feridos, acusou hoje formalmente o Irã de se infiltrar em vários países sul-americanos para instalar bases de inteligência destinadas a cometer atentados terroristas. Nisman disse, durante entrevista coletiva, que entregou um parecer de 502 páginas ao juiz responsável pelo caso, Rodolfo Canicoba Corral. Segundo o jornal "Clarín", de acordo com as provas apresentadas pelo procurador, o Irã teria infiltrado agentes de inteligência no Brasil, no Paraguai, no Uruguai, no Chile, na Colômbia, na Guiana, em Trinidad e Tobago e no Suriname, em "estações de espionagem" que operam de acordo com ordens do governo de Mahmaud Ahmadinejad. Nisman enviou uma cópia do parecer para os países envolvidos e para a Interpol. O documento também relata a atuação do regime iraniano no atentado contra o Amia. Asteroide se aproxima da Terra sem trazer riscos ao planeta SÃO PAULO, SP, 29 de maio (Folhapress) - Um asteroide cujo tamanho é estimado entre 1 e 2.3 quilômetros deve passar próximo da Terra na sexta-feira, com aproximação máxima às 17h59, horário de Brasília. O objeto, batizado de 285263 (1998QE2), passará a 5.8 milhões de quilômetros, no ponto de maior aproximação -o equivalente a 15 vezes a distância entre a Terra e a Lua. Identificado em 19 de agosto 1998, o asteroide é classificado como Potencialmente Perigoso por ter tamanho estimado superior a 50 metros e chegar a uma distância da Terra menor do que 0,05 UA (Unidades Astronômicas), ou 7,5 milhões de quilômetros. Apesar disso, não oferece riscos de colisão nem terá qualquer efeito sobre o planeta. O 285263 (1998QE2), que não será visível a olho nu da Terra, leva 3,77 anos para completar sua evolução em torno do Sol. "A aproximação do asteroide permite realizar estudos sobre suas características físicas e sua dinâmica, contribuindo para melhor compreensão de origem e evolução de objetos que possam vir a colidir com a Terra", explica a pesquisadora do Observatório Nacional Daniela Lazzaro.  

continua após publicidade