Geral

Funcionário da Petrogold morre em depósito de Duque de Caxias

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 23 de maio (Folhapress) - O prefeito de Duque de Caxias (RJ), Alexandre Cardoso (PSB), confirmou nesta tarde a morte de um funcionário da Transportadora Petrogold no incêndio que atinge desde cedo o depósito da empresa no bairro Jardim Primavera, às margens da rodovia Rio-Teresópolis. Segundo Cardoso, Gelson da Silva Ferreira, 43, chegou a ser socorrido por outros funcionários, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, Duque de Caxias. O advogado da Petrogold Fábio Calil também confirma a morte de Gelson Ferreira. A reportagem entrou em contato com a Secretaria Estadual de Saúde para saber a causa da morte do funcionário, mas ainda não obteve retorno. Ao todo, seis tanques com material combustível em chamas liberam grande quantidade de fumaça desde a manhã de hoje. Moradores do entorno foram obrigados a deixar suas casas. O fogo se alastrou por ao menos quatro residências no entorno da rua Geraldo Rocha. Há uma escola defronte ao local, que também foi esvaziada. A vendedora Marinelza de Oliveira saiu de casa às pressas, pouco antes de o local ser consumido pelo fogo. "Nunca tinha visto algo desse tipo em três anos que moro aqui. O cheiro de combustível era muito forte e minha filha passou mal. Minha casa está completamente destruída," afirmou. Ao todo, a Polícia Militar interditou um perímetro de quatro quarteirões no entorno da distribuidora de combustível. Bombeiros de cinco quartéis do Rio de Janeiro estão no local.  

continua após publicidade