Geral

Suspeito de ataque em Boston pode ter participado de outros crimes

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 22 de maio (Folhapress) - Ibragim Todashev foi morto hoje enquanto era interrogado sobre sua ligação com Tamerlan Tsarnaev -um dos autores do atentado da Maratona de Boston, morto durante perseguição policial no dia 19 de abril. Ele estava sendo interrogado sobre sua suposta participação em um crime que aconteceu em 2011. Segundo o jornal "New York Times", os agentes policiais interrogavam Todashev sobre sua participação em um triplo assassinato ocorrido em setembro de 2011, em Waltham, Massachusetts. De acordo com a polícia, o rapaz tentou atacar os agentes que o investigavam com uma faca e então foi morto. Todashev estava sendo interrogado em sua casa, em um condomínio em Orlando. Após sua morte, algumas ruas do complexo residencial foram fechadas. Segundo um oficial, os investigadores trabalham com a hipótese de que Todashev e Tsarnaev participaram dos assassinatos. Uma das vítimas do crime era amiga de Tsarnaev. De acordo com autoridades, Todashev havia sido ouvido pelo menos duas vezes desde os ataques na Maratona de Boston --que mataram três pessoas e feriram outras 264. Os assassinatos em Waltham foram considerados um dos crimes mais violentos na área de Boston nos últimos anos. Três homens foram encontrados com suas gargantas cortadas e polvilhadas com maconha. Segundo a mãe de Tamerlan, Zubeidat Tsarnaeva, os dois não eram muito próximos, mas se viam com regularidade em Boston. Todashev se mudou para a Florida há dois anos.  

continua após publicidade