Geral

Pesquisa revela que gays vivem com medo

Da Redação ·
A União Europeia está pedindo uma ação para conter discriminação e violência contra homossexuais após uma grande pesquisa ter revelado que muitos gays estão vivendo atemorizados nos 27 países do bloco. Segundo Morten Kjaerum, da Agência de Direitos Fundamentais da União Europeia, disse que são necessárias medidas para "romper as barreiras, eliminar o ódio e criar uma sociedade onde todos possam exercer plenamente seus direitos". A pesquisa ouviu 93 mil lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros e mostrou que mais de 80% do grupo sofreu agressões verbais ou bullying na escola. Além disso, quase um em cada cinco entrevistados sente-se discriminado ao procurar emprego e um quarto dos pesquisados relatou ataques ou ameaças nos últimos anos. A pesquisa foi divulgada nesta sexta-feira em conferência sobre o Dia Internacional contra a Homofobia, realizada em Haia, na Holanda. As informações são da Associated Press.
continua após publicidade