Geral

MEC estuda Fies para alunos de educação à distância

Da Redação ·

Por Flávia Foreque BRASÍLIA, DF, 14 de maio (Folhapress) - O Ministério da Educação estuda a concessão do Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) a universitários matriculados em cursos de ensino à distância, além de estudantes de pós-graduação. O ministro Aloizio Mercadante (Educação) disse hoje que a pasta quer incluir essas duas modalidades no programa de financiamento, que atende estudantes matriculados em instituições particulares. De acordo com Mercadante, é preciso mudar o marco regulatório do ensino à distância para fazer a inclusão desses alunos. O ministro não deu um prazo para isso. "Vamos ter que fiscalizar a presença do estudante, seu desempenho. Tem que ter alguns critérios. Porque senão o sujeito simplesmente se matricula, pega o financiamento e você não acompanha [a frequência]", disse. "Nós não temos ainda essa segurança, mas estamos trabalhando em cima", afirmou durante audiência pública no Senado Federal. Durante a agenda, um pequeno grupo de estudantes de educação à distância protestou diante da impossibilidade de ter acesso ao benefício.  

continua após publicidade