Geral

Suspeito de matar Glauco vai para Catanduvas

Da Redação ·
 Transferência foi autorizada pela Jutiça; Cadu segue escoltado pela Força Nacional
fonte: R7.com
Transferência foi autorizada pela Jutiça; Cadu segue escoltado pela Força Nacional

Carlos Eduardo Sundfeld Nunes, mais conhecido como Cadu, o suspeito confesso de matar o cartunista Glauco Vilas Boas e seu filho Raoni, é transferido nesta sexta-feira (16) para o presídio federal de segurança máxima de Catanduvas, no interior do Paraná. Ele estava preso na Polícia Federal de Foz do Iguaçu.

continua após publicidade

Cadu saiu da superintendência da polícia às 8h desta sexta e deve chegar no final da manhã no presídio em Catanduvas, que fica a 180 km de Foz. Ele segue dentro de um carro especial, escoltado pela Polícia Federal pela Força Nacional. De acordo com o delegado chefe em exercício em Foz, a transferência foi solicitada pela Polícia Federal de Foz do Iguaçu e o juiz da vara de execução de Curitiba autorizou a remoção de Carlos Eduardo.