Geral

São José dos Campos tem 4ª morte no ano por H1N1

Da Redação ·





SÃO PAULO, SP, 10 de maio (Folhapress) - A Secretaria Municipal de Saúde de São José dos Campos (97 km de São Paulo) confirmou mais uma morte pela gripe H1N1. O vírus infectou 24 pessoas e matou quatro na cidade neste ano.

A última vítima foi uma mulher de 44 anos que estava internada na Santa Casa. Ela morreu na última quarta-feira, após seu quadro evoluir para uma pneumonia.

Em nota, a assessoria do hospital informou que "realizou o procedimento previsto e obrigatório pelo Ministério da Saúde, tendo informado a Prefeitura Municipal e a Vigilância Epidemiológica assim que foi confirmado o falecimento de paciente em decorrência de H1N1".

Com a confirmação, sobe para nove o número de mortos pela gripe H1N1 no Estado.

No dia 26 de abril, uma criança de um ano morreu em São Vicente (no litoral de São Paulo) após contrair a gripe.

Duas semanas antes, uma grávida de 19 anos também morreu. Ela morreu após uma cesárea de emergência aos sete meses de gestação.

As outras mortes registradas no Estado ocorreram em São José do Rio Preto, Catanduva e São Paulo. Em 2009, período em que houve a pandemia da gripe A, foram aproximadamente 12 mil casos confirmados e quase 600 mortes no Estado.

Vacinação

A Secretaria Municipal de Saúde prorrogou a campanha de vacinação contra a gripe até o dia 29 de maio na capital paulista. Essa é a segunda vez que o prazo para a imunização é adiado.

A meta é imunizar 2,5 milhões de pessoas em todo município. A pasta, porém, não divulgou o total de pessoas que já receberam a dose.

No Estado, o objetivo é vacinar 7 milhões de paulistas, o que corresponde a 80% das 8,7 milhões de pessoas que fazem parte do chamados grupos prioritários.
 

continua após publicidade