Geral

Polícia encerra investigação da morte de Glauco hoje

Da Redação ·
 Delegado ainda espera alguns laudos para serem anexados ao caso depois
fonte: Do R7
Delegado ainda espera alguns laudos para serem anexados ao caso depois

A Polícia Civil vai entregar nesta terça-feira (13) ao Ministério Público o inquérito sobre o assassinato do cartunista Glauco Vilas Boas e seu filho Raoni, ocorrida há um mês em Osasco, na Grande São Paulo. Apuração do R7 apontou que o delegado Archimedes Cassão Veras Junior, que comanda a investigação, não vai pedir mais prazo à Justiça encerrar o caso.

continua após publicidade

Mesmo assim, o delegado espera alguns laudos para serem anexados ao caso. As informações aguardadas não devem alterar os indiciamentos dos dois suspeitos de cometerem o assassinato, Carlos Eduardo Sundfeld Nunes, mais conhecido como Cadu, e Felipe Iasi.

continua após publicidade

O caso está sob segredo de Justiça. Procurado, o delegado não quis se manifestar.

Iasi deve responder o caso em liberdade. Ele é apontado como um participante menor do crime por ter levado Cadu ao local do crime com seu carro. A polícia investiga ainda se Iasi ajudou Felipe a fugir. A defesa do acusado nega que ele tenha auxiliado Cadu e que só o levou para a casa de Glauco porque foi sequestrado.