Geral

Morre o crítico de cinema Roger Ebert

Da Redação ·





SÃO PAULO, SP, 4 de abril (Folhapress) - O crítico de cinema mais famoso dos Estados Unidos, Roger Ebert, morreu hoje, aos 70 anos de idade.

Ebert sofria de câncer desde 2002, com um tumor na tiroide. Recentemente, ele comentou que estava passando por quimioterapia para poder retornar ao trabalho.

Aos poucos, enquanto lutava contra a doença, ele perdeu a habilidade de comer, de beber e de falar. Segundo o "New York Times", ele se alimentava por um tubo. Mesmo assim, continuou escrevendo suas críticas.

"Quando estou escrevendo, meus problemas se tornam invisíveis, e eu sou a mesma pessoa que sempre fui", disse à revista "Esquire", em 2010. "Tudo está bem. Eu estou como deveria estar."

Vencedor do prêmio Pulitzer, o crítico trabalhou no jornal "The Chicago Sun-Times" por quase 50 anos. Suas críticas tinham a capacidade de fazer o nome de um filme, ou acabar com ele.

 

continua após publicidade