Geral

Cinco são presos por estupro coletivo à turista suíça

Da Redação ·
Cinco homens confessaram envolvimento no estupro coletivo
fonte: divulgação
Cinco homens confessaram envolvimento no estupro coletivo

Uma cidadã suíça foi a mais recente vítima de uma violação coletiva na Índia, três meses depois de um outro caso ter despoletado a revolta no país com eco em todo o mundo.  Oito suspeitos para interrogatório foram detidos, cinco deles já confessaram o seu envolvimento no estupro.

O ataque deu-se na sexta-feira à noite no estado de Madyha Pradesh, no centro do país. A mulher de 39 anos viajava de bicicleta com o marido de Orchha com destino a Agra quando decidiram acampar na aldeia de Jhadia para passar a noite.  De acordo com as autoridades indianas, um grupo de homens agrediu o marido com paus e amarrou-o para depois violarem a mulher diante dele.

Os agressores roubaram ainda vários pertences do casal, entre eles, um celular e dez mil rupias (cerca de 140 euros).
A turista foi hospitalizada na cidade de Gwailor. Estava consciente e prestou depoimento. A embaixada da Suíça no país reagiu pedindo uma investigação detalhada do caso.

continua após publicidade