Geral

Militar da Aeronáutica é preso sob suspeita de assaltar estudantes da UFRJ

Da Redação ·

RIO DE JANEIRO, RJ, 14 de fevereiro (Folhapress) - O militar da Aeronáutica William Vieira Arantes foi preso na manhã de hoje com outros dois homens sob suspeita de participar de um assalto a estudantes da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), no último dia 1º, em um ponto de ônibus na Cidade Universitária, na Ilha do Fundão, na zona norte do Rio. O cargo do militar não foi confirmado. A reportagem entrou em contato com a Aeronáutica, mas ainda não obteve retorno. Segundo a Polícia Civil do Rio, John Lennon da Silva Coelho e Carlos Henrique da Silva também foram presos. Todos tiveram mandados de prisão expedidos pela Justiça. Até as 11h, apenas Sandro Cardoso da Silva continuava foragido. A polícia afirmou que os suspeitos foram presos em casa por policiais da 24ª DP (Piedade) - que investigavam o caso desde que dois universitários registraram a ocorrência do assalto na unidade. Os suspeitos foram reconhecidos pelas vítimas. Na ocasião, cerca de 20 estudantes tiveram seus pertences roubados por quatro homens armados no campus da UFRJ -em frente ao prédio do centro de ciências da saúde. Uma das vítimas havia anotado a placa do carro dos bandidos, o que facilitou o trabalho da polícia. O dono do carro, que não teve o nome divulgado, foi intimado a comparecer na delegacia e o veículo dele acabou apreendido. A reportagem tentou localizar os advogados dos presos, mas ninguém foi encontrado.  

continua após publicidade