Geral

Polícia flagra 48 motoristas embriagados na região de Araraquara

Da Redação ·

RIBEIRÃO PRETO, SP, 14 de fevereiro (Folhapress) - O balanço da Operação Carnaval realizada pela Polícia Militar Rodoviária na região de Araraquara (273 km de São Paulo) mostra que foram registrados nos cinco dias do feriado prolongado 48 casos de embriaguez ao volante. Os dados foram divulgados na manhã de hoje e incluem, além de rodovias estaduais da região de Araraquara, estradas localizadas nas áreas de abrangência de São Carlos e Jaboticabal. Apesar do volume de casos de motoristas embriagados enquadrados na lei seca, o número é menor que o registrado na operação durante o Carnaval de 2012, quando foram flagrados 62 condutores. Segundo o balanço da polícia, foram fiscalizados durante a operação 1.191 veículos, sendo lavradas 608 autuações, incluindo 47 envolvendo motociclistas. Menos acidentes Na comparação com o ano anterior, o Carnaval de 2013 teve menos acidentes nas rodovias estaduais da região central do Estado. Foram 18 acidentes neste ano ante 28 em 2012, uma redução de 36%. O número de vítimas também caiu de 16 para 5, um recuo de 69%. Em Ribeirão Na região de Ribeirão Preto (313 km de São Paulo), segundo balanço divulgado ontem pela polícia, quatro pessoas foram detidas em flagrante e 32 multadas por embriaguez ao volante nos cinco dias da Operação Carnaval. Em vigor desde 29 de janeiro, a nova lei seca está mais rigorosa. Se o condutor for flagrado com uma taxa igual ou superior a 0,05 mg/l (miligrama de álcool por litro de ar), é autuado e multado em R$ 1.915,40, respondendo por infração gravíssima. Tem ainda a habilitação recolhida e o direito de dirigir suspenso por 12 meses. Antes, o limite era 0,1 mg/l. Já os casos que superam o limite de 0,34 mg/l são considerados crimes passíveis de punição com detenção de seis meses a três anos, além da multa e suspensão da habilitação.  

continua após publicidade