Geral

Operação Direção Segura detém 12 durante o Carnaval

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 11 de fevereiro (Folhapress) - Desde sexta-feira, quando começou a Operação Direção Segura, 12 pessoas foram detidas na cidade de São Paulo sob suspeita de cometerem diferentes crimes de trânsito. A operação conta com agentes do Detran-SP, a Polícia Militar e peritos do Instituto de Criminalística da Polícia Civil. O balanço parcial também aponta que até a manhã de hoje foram aplicadas 113 multas por infrações administrativas. Nesses três dias, 574 motoristas foram submetidos ao bafômetro, sendo que 43 deram positivo para o consumo de álcool. Na sexta um novo equipamento começou a ser usado na cidade para detectar se o motorista consumiu entorpecentes. Ao menos uma pessoa foi detida por ter usado droga. Segundo o governo, o critério utilizado na fiscalização está sendo o de "tolerância zero", assim como já acontece no caso das bebidas alcoólicas. O motorista flagrado é multado e pode ser preso. O valor da multa é o mesmo do aplicado no caso de o condutor estar alcoolizado, ou seja, R$ 1.915,40. Resolução do Contran (Conselho Nacional de Trânsito) em vigor desde o dia 29 de janeiro reduziu pela metade o nível de álcool tolerado no teste do bafômetro. A regra também baixou para zero a tolerância no exame de sangue. Antes da nova regulamentação, o limite do bafômetro era de 0,1 mg/l (miligrama de álcool por litro de ar). A partir disso, o motorista era multado. Agora o limite caiu para 0,05 mg/l.  

continua após publicidade