Geral

Cinco tripulantes de navio morrem em simulação de emergência

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 10 de fevereiro (Folhapress) - Cinco pessoas morreram e outras três ficaram feridas depois que um bote salva-vidas de um navio de cruzeiro caiu no mar em uma simulação de emergência. As informações são do jornal espanhol "El País". O navio, Thomson Majesty, está atracado em Santa Cruz de la Palma, capital da ilha de La Palma, nas ilhas Canárias, pertencente à Espanha. As vítimas são todas integrantes da tripulação --três de nacionalidade indonésia, um filipino e um ganês. Dois feridos se encontram em estado grave --ambos gregos--, e outro, filipino, corre menos risco de morte. Ainda não se sabe o motivo do desprendimento do bote salva-vidas, que caiu de uma altura de 20 metros. Cerca de 2.000 passageiros viajavam no navio, mas, de acordo com o "País", nenhum dos turistas testemunhou o acidente. A cidade de Santa Cruz de la Palma decidiu suspender todas as atividades de Carnaval previstas para hoje. Amanhã, serão jogadas flores ao mar em memória aos tripulantes mortos.  

continua após publicidade