Geral

Unidos de Vila Maria homenageia a cultura coreana no Anhembi

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 8 de fevereiro (Folhapress) - A escola Unidos de Vila Maria leva ao Anhembi neste ano um enredo de homenagem aos 50 anos da imigração coreana no Brasil. "O enredo é muito simples e foi montado sobre os pilares da tradição e da modernidade desse povo", resume o carnavalesco Chico Spinosa. "Eles vieram pra cá trazendo essa historia tradicional, esses 5 mil anos de cultura que esse povo carrega e que levaram a Coreia a se tornar esse tigre asiático de maior carisma hoje em dia, com selos importantes no mundo atual como Samsung, Hyundai, LG." Seguindo a tradição e a modernidade, a Vila Maria vai falar ainda da cultura, da gastronomia e da moda coreana, lembrando a importância do cultivo do arroz, estilizando a personagem de animação Pucca e com uma ala dedicada ao cantor Psy, que virou febre mundial no ano passado com o clipe da música "Gangnam Style". "O nosso Carnaval tem um colorido muito forte alternando com momentos com tecnologia, mais branco e prata, bastante "clean". Também teremos o balé coreano feito por companhias brasileiras em diferentes setores", completou o carnavalesco. A Vila Maria será a quinta escola a entrar na avenida no segundo dia de desfiles do Grupo Especial, que acontece amanhã. Serão cerca de 3.400 componentes distribuídos por 29 alas e cinco carros alegóricos. Neste ano, o comando da bateria será do mestre Moleza, que estreia na escola.  

continua após publicidade