Geral

Secretaria lança campanha nacional de proteção a criança e o adolescente

Da Redação ·





Por Diana Brito

RIO DE JANEIRO, RJ, 7 de fevereiro (Folhapress) - A Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República lançou na manhã de hoje a campanha nacional de proteção a criança e o adolescente --no circo do Marcos Frota, na Quinta da Boa Vista, em São Cristóvão, zona norte do Rio.

Segundo a ministra Maria do Rosário, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência, a central de atendimento do governo "Disque 100" recebeu cerca de 250 mil telefonemas no ano passado, sendo a maioria --quase 160 mil-- de violência contra crianças e adolescentes. As outras denuncias são de violência contra LGBT, idosos e moradores de rua.

"Nós tivemos cerca de 70% de aumento de denúncias no Disque 100 em relação ao ano anterior. Por isso é tão importante a participação da população nessa campanha", disse a ministra.

De acordo com Maria do Rosário, há denúncias de violências perversas como a exploração sexual e o abuso sexual em família. O número de casos elucidados, no entanto, não foi divulgado.

Intitulada "Não desvie o olhar. Fique atento. Denuncie", a campanha terá filmes na televisão, spots de rádio, camisetas, bonés, mochilas, máscaras, adesivos, garrafas de água e porta-documentos neste Carnaval.

Todas as peças possuem as imagens dos três macaquinhos "não ouço, não falo e não vejo" que simboliza a campanha.

"Tratem a criança com respeito e amor, porque a criança de hoje, bem instruída, é o Brasil amanhã", disse o sambista Nelson Sargento, 88, embaixador do movimento durante o lançamento da campanha.
 

continua após publicidade