Geral

Criança morre após ser arrastada por enxurrada em Taquaritinga

Da Redação ·





RIBEIRÃO PRETO, SP, 6 de fevereiro (Folhapress) - A forte chuva no fim da tarde de hoje causou a morte de uma criança em Taquaritinga (334 km de São Paulo).

Uma menina de cinco anos morreu após ser arrastada pela enxurrada na Vila Sebastião.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a criança caminhava quando caiu e foi levada pelas águas da chuva - ela foi parar em um bueiro e morreu afogada.

Ainda segundo os bombeiros, o corpo da garota foi achado na Vila Romana, 1,5 km distante de onde ela foi arrastada.

Além da morte, as chuvas já haviam causado estragos na cidade na noite de ontem. Houve quedas de árvores e alagamentos em algumas ruas.

Os bombeiros não souberam quantificar quantas ocorrências foram registradas.

Ribeirão

O temporal que atingiu Ribeirão Preto (313 km de São Paulo) no fim da tarde de hoje causou estragos.

Pelo menos 16 árvores caíram nos bairros Monte Alegre, Jardim Piratininga, Castelo Branco, Campos Elíseos e Jardim Paulistano, segundo a Guarda Civil Municipal.

No momento do temporal, a região do bairro Ipiranga teve queda de energia. Semáforos na avenida Francisco Junqueira e na região central pararam de funcionar.

Problemas de escoamento de água e alagamentos também atrapalharam o trânsito na hora da chuva.

Pontos como os cruzamentos da Francisco Junqueira com a rua Maria de Jesus Condeixa, avenida Maurilio Biagi e avenida Jerônimo Gonçalves foram os mais prejudicados.

Não houve, no entanto, registro de vítimas, segundo informou André Luiz Tavares, superintendente da Guarda Civil.
 

continua após publicidade