Geral

Cineasta Jane Campion vai presidir júri de curtas-metragens em Cannes

Da Redação ·





SÃO PAULO, SP, 5 de fevereiro (Folhapress) - A cineasta neozelandesa Jane Campion, diretora de "O Piano", vai presidir o júri da Cinéfondation, mostra dedicada a curtas-metragens de estudantes de cinema, na 66ª edição do Festival de Cannes, que acontece entre os dias 15 e 26 de maio.

Campion sucede no cargo outros prestigiosos cineastas, como Martin Scorsese, Michel Gondry, Jean-Pierre Dardenne, Hou Hsiao Hsien e John Boorman.

"Jane é uma criação de Cannes. Sei disso por ter escolhido seus três primeiros curtas para o Festival", disse o presidente do Festival de Cannes, Gilles Jacob.

De acordo com os organizadores do festival, a obra de Campion é dominada por mulheres intensas em busca de sua identidade, como a interpretada por Kate Winslet en "Fogo Sagrado" (1999).

Campion venceu a Palma de Ouro em 1986 com o curta "Peel" e seu longa-metragem "O Piano" rendeu o prêmio de melhor atriz para Holly Hunter.

O júri da Cinéfondation será composto por cinco personalidades do cinema e da literatura. A comissão deve anunciar o curta-metragem vencedor de Cannes no dia 26 de maio.
 

continua após publicidade