Geral

Ex-ministro do Irã portava cheque venezuelano de US$ 70 mi, diz jornal

Da Redação ·





SÃO PAULO, SP, 3 de fevereiro (Folhapress) - Tahmasb Mazaheri, ex-ministro iraniano das Finanças, foi revistado na Alemanha e foi encontrado com ele um cheque de 300 milhões de bolívares (US$ 70 milhões) do Banco da Venezuela, noticiou hoje o jornal "Bild am Sonntag".

Mazaheri, que também chefiou o Banco Central iraniano entre 2007 e 2008, foi revistado pelos agentes de alfândega do aeroporto de Düsseldorf, no oeste do país, em 21 de janeiro passado.

Segundo o jornal, o cheque milionário do Banco Central venezuelano foi encontrado em um dos bolsos da bagagem de mão do ex-ministro, que estava em um voo procedente da Turquia.

Mazaheri afirmou que o cheque serviria para financiar a construção de 10 mil residências por parte do governo venezuelano, e agora a alfândega estão investigando se há um possível crime de lavagem de dinheiro, disse o "Bild am Sonntag".
 

continua após publicidade