Geral

Explosão mata operário em centro de combustível da polícia

Da Redação ·

RIO DE JANEIRO, RJ, 31 de janeiro (Folhapress) - Um operário morreu hoje em um centro de abastecimento de combustível da Divisão de Transportes da Polícia Civil, na praça da Bandeira, zona norte do Rio. Marlon Assis de Azevedo, de 19 anos, trabalhva com uma solda, próximo a um tanque de combustível, quando houve uma explosão por volta das 15h30. O posto fica na esquina da rua Santa Filomena com a travessa Doutor Araújo. Segundo a Polícia Civil, Marlon trabalhava para uma empresa terceirizada, a L3JC Comércio de Peças de Serviços. O delegado Orlando Zacconi, da 18ª DP (Praça da Bandeira), instaurou inquérito para apurar as causas do acidente.  

continua após publicidade