Geral

Escola lamenta morte de professora e espera perícia

Da Redação ·
Imagem mostra parte do forro em que a professora caiu de uma altura de oito metros
fonte: Bonde repórter
Imagem mostra parte do forro em que a professora caiu de uma altura de oito metros
continua após publicidade

A Escola Premier – Educação Infantil e Ensino Fundamental divulgou nota, na tarde de ontem (19), sobre a morte da professora Vânia Valéria Gouveia, 43 anos, em Londrina. No comunicado, a diretoria lamentou profundamente a fatalidade ocorrida na noite de ontem (18) no Teatro Marista, que vitimou a professora após o evento de encerramento do ano letivo que era realizado no local. "A Escola Premier foi fundada há 13 anos, possui 50 colaboradores, atende a 233 alunos, e encontra-se consternada com o ocorrido". Segundo a escola, o incidente aconteceu minutos antes das 21h quando a festa já havia terminado. Vânia foi imediatamente atendida pela equipe do SAMU e encaminhada ao Hospital Evangélico onde veio a falecer.

continua após publicidade
confira também

"Todo o atendimento à família da professora Vânia, que era colaboradora da empresa há um ano, está sendo prestado para dar conforto aos seus entes queridos. A Escola Premier aguarda o resultado da perícia que será feita pelo Corpo de Bombeiros, para as providências necessárias".  Além da Premier, o Colégio Marista de Londrina também emitiu um comunicado sobre a tragédia. "O Colégio Marista Londrina lamenta profundamente o fato ocorrido na noite de ontem com a professora Vânia Valéria Gouvea, da Escola Premier, no espaço locado do Teatro Marista, e colabora com as autoridades responsáveis na apuração do caso. O Colégio Marista Londrina manifesta profundo pesar e pede a Deus que proteja e conforte a família e todos da Escola Premier". As informações são do Bonde