Geral

Fidel Castro manda coroa de flores para velório de Niemeyer

Da Redação ·





RIO DE JANEIRO, RJ, 7 de dezembro (Folhapress) - O líder cubano Fidel Castro mandou uma coroa de flores ao velório de Oscar Niemeyer, que está sendo realizado no Palácio da Cidade, em Botafogo, na zona sul do Rio, hoje.

A homenagem foi entregue por intermédio da intelectual brasileira Marília Guimarães, que chegou ao salão nobre, onde acontece o corpo está sendo velado, acompanhada pela deputada Jandira Feghali (PC do B).

Ontem, o presidente de Cuba, Raúl Castro, mandou mensagens de condolências para os parentes de Niemeyer e para presidente Dilma Rousseff: "Receba nossas condolências e os profundos sentimentos de solidariedade perante a perda do querido amigo Oscar Niemeyer, um filho ilustre do Brasil, a quem a humanidade lembrará sempre por sua dimensão artística e humana."

Raúl e Fidel Castro também enviaram flores ontem ao Palácio do Planalto, em Brasília, onde aconteceu o primeiro velório do arquiteto brasileiro.

Oscar Niemeyer ingressou em 1945 no Partido Comunista Brasileiro (PCB), entrando em contato com Luiz Carlos Prestes e outros políticos de inclinação esquerdista. Ao longo das décadas, travou amizades com diversos líderes comunistas e socialistas ao redor do planeta, viajando constantemente à extinta União Soviética e a Cuba.
 

continua após publicidade