Geral

Policial civil é baleado e cinco pessoas são mortas a tiros

Da Redação ·

Por Martha Alves SÃO PAULO, SP, 2 de novembro (Folhapress) - Um policial civil foi baleado e ao menos cinco pessoas foram mortas a tiros em nova onda de violência na capital, entre o final da noite de ontem e a madrugada de hoje. Nenhum suspeito pelos crimes foi preso. Na zona sul, um homem foi morto em uma viela próxima à rua Juraci Gomes dos Santos, no Jardim Arpoador. Outro homem foi encontrado morto a tiros na rua Antônio Dias de Castro, no Jardim das Esmeraldas. Um homem morreu em troca de tiros com policiais militares na rua Canto do Rio Verde, no Parque Rebouças, por volta das 21h. Ele foi levado a um pronto-socorro da região, onde morreu. Outros três suspeitos se entregaram. Um policial federal reagiu a uma tentativa de roubo e baleou o ladrão na avenida Jornalista Roberto Marinho, no bairro Cidade Monções. O criminoso foi levado ao pronto-socorro Santo Amaro, onde morreu. O caso foi registrado no 96º Distrito Policial, na Cidade Monções. Na zona leste, um homem foi encontrado morto a tiros ao lado de uma moto na rua José Francisco Brandão, Cidade Tiradentes, por volta das 0h30. O caso será registrado no 49º Distrito Policial, em São Mateus. Policial baleado Um policial civil foi baleado na avenida Inajar de Souza, no bairro do Limão, zona norte de São Paulo, por volta das 23h de ontem. Segundo a polícia, ele andava de moto pela avenida quando homens em duas motos dispararam vários tiros e fugiram. Ele foi levado ao pronto-socorro Cachoeirinha. O caso foi registrado no 72º Distrito Policial, na Vila Penteado. Nenhum suspeito pelo crime foi preso.  

continua após publicidade