Geral

Cotidiano-Notas

Da Redação ·



Mulher de 77 anos desaparece no Santuário de Aparecida (SP)





SÃO PAULO, SP, 24 de outubro (Folhapress) - Uma idosa de 77 anos desapareceu do Santuário Nacional de Aparecida (a 180 km de São Paulo) no último domingo. A polícia diz acreditar que ela não foi vítima de crime. "Ela pode ter passado mal ou entrado em algum ônibus de excursão por engano", disse o delegado que investiga o caso, Francisco Sannini Neto. De acordo com a polícia, Beatriz Joanna Von Hohendorff Winck foi vista pela última vez na casa de velas por colegas de excursão. Ela teria dito que estava cansada e que, por isso, retornaria ao hotel. A assessoria de imprensa do santuário afirmou que o marido de Beatriz disse que a acompanhava na casa das velas quando sumiu. A polícia enviou um alerta à Polícia Rodoviária, na hipótese de que ela esteja em outra cidade. O delegado deve ouvir parentes e testemunhas nos próximos dias. Em nota, o santuário informou que "desencontros e ausências temporárias acontecem esporadicamente e são resolvidos até o final do dia" e considera o que aconteceu com Beatriz "inusitado". A igreja disse ainda que presta apoio à família e que "acompanha o caso junto às autoridades policiais".



Polícia prende dupla suspeita de fazer arrastão em restaurante de SP



SÃO PAULO, SP, 24 de outubro (Folhapress) - A Polícia Civil prendeu na tarde de hoje dois homens suspeitos de fazer um arrastão em um restaurante em Moema, bairro nobre da zona sul de São Paulo. Os objetos das vítimas foram recuperados. Segundo a polícia, os homens fingiram ser funcionários de uma empresa de prestação de serviços públicos para entrar no local. Eles renderam os clientes e levaram dinheiro, celulares e equipamentos eletrônicos. Os policiais foram acionados e prenderam os suspeitos no Piqueri, na zona leste da cidade. A polícia também apreendeu um revólver calibre 38 no carro em que os suspeitos estavam. Eles serão investigados por participar de outros crimes na região.



Rajada de vento arrasta barca na Ilha do Governador, no Rio



SÃO PAULO, SP, 24 de outubro (Folhapress) - Rajadas de ventos arrastaram uma barca que fazia a travessia Praça XV-Cocotá na tarde de hoje. De acordo com concessionária Barcas S/A, empresa que administra o transporte, a embarcação Itaipu foi deslocada da rota momento da atracação no terminal da Ilha do Governador, por volta das 15h10. A barca, com 45 passageiros a bordo, ficou presa a uma estrutura de ferro que fica próxima ao cais. Ninguém ficou ferido, segundo a concessionária. Outra barca, a Lagoa, ajudou na remoção dos passageiros.
 

continua após publicidade