Geral

43% das agências bancárias do PR estão fechadas

Da Redação ·
 Em Apucarana e Arapongas, a paralisação dos bancários também prossegue
fonte: Delair Garcia
Em Apucarana e Arapongas, a paralisação dos bancários também prossegue

A greve dos bancários entrou, nesta terça-feira (25), em seu oitavo dia com ampliação do número de agências fechadas no Paraná. De acordo com dados da Federação dos Trabalhadores em Empresas de Crédito do Paraná (Fetec-PR), 658 agências bancárias estão de portas fechadas, por causa da paralisação dos funcionários: 43% das pouco mais de 1,5 mil agências que existem no estado, segundo a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban). Na segunda-feira (24), eram 656 agências fora de operação. Em Apucarana e Arapongas, a paralisação dos bancários também prossegue.

continua após publicidade

Apesar da ampliação do número de agências paradas, o número de grevistas no Paraná caiu de 20 mil (registrados na segunda-feira) para cerca de 14,5 mil (nesta terça-feira). Segundo o sindicato dos bancários, a redução foi provocada por conta de interdito que a Justiça concedeu ao HSBC, proibindo piquetes e que possibilitou que quatro centros administrativos do banco em Curitiba voltassem ao trabalho.

Negociação

continua após publicidade

Na tarde desta terça-feira, representantes dos funcionários de bancos e da Fenaban sentam-se à mesa de negociações. É a primeira rodada desde o início da greve dos bancários, deflagrada no último dia 18.

Com informações do Jornal de Londrina On Line