Geral

Clima-Ribeirão - (Atualizada)

Da Redação ·

Chuva e rajada de vento deixam 23 mil imóveis sem energia na região RIBEIRÃO PRETO, SP, 19 de setembro (Folhapress) - Após dois meses de estiagem, a chuva que atingiu parte da região de Ribeirão Preto (313 km de São Paulo) na tarde de hoje foi suficiente para deixar 23.818 unidades consumidoras sem energia elétrica. De acordo com a CPFL Paulista, concessionária que atende 234 municípios no interior do Estado, a interrupção no fornecimento de energia foi provocada pelas fortes chuvas e rajadas de vento nas microrregiões de Araraquara e Ribeirão Preto. A cidade mais afetada foi Ribeirão, com 16.483 imóveis sem energia, seguida por Araraquara (2.802) e Jaboticabal (2.537). Também houve interrupção em Barretos, Franca, São Carlos e São Joaquim da Barra. Não chovia em Ribeirão desde 18 de julho, segundo a Defesa Civil de São Paulo. A CPFL informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que "está ciente das ocorrências" e que as equipes estão "trabalhando para que o serviço seja totalmente restabelecido".  

continua após publicidade