Geral

Discurso de Chávez interrompe transmissão de campanha da oposição

Da Redação ·





SÃO PAULO, SP, 18 de setembro (Folhapress) - A transmissão de um ato de campanha do candidato à Presidência da Venezuela Henrique Capriles (oposição) foi interrompido ontem para dar lugar a uma cadeia nacional de rádio e TV para um discurso do atual presidente Hugo Chávez, candidato à reeleição.

Segundo o periódico venezuelano "Tal Cual", o canal Globovisión transmitia um discurso de Capriles na capital Caracas, quando houve a interrupção para reproduzir, em cadeia nacional de rádio e TV, um ato de Chávez pela volta às aulas no país.

O discurso de Capriles continuou a ser transmitido pelo site da Globovisión.

Mais tarde, o candidato de oposição chamou a interrupção de "abuso de poder", por meio de sua conta no Twitter.

O "Tal Cual", citando uma ONG venezuelana, aponta que desde o início de julho até o início de agosto Chávez entrou em cadeia nacional a uma média de 32 minutos diários.

Em agosto, o ministro da Comunicação, Andrés Izarra, justificou as redes nacionais como "ferramentas legítimas para informar sobre a atividade do governo" e acusou a oposição de querer "censurar Chávez" com sua "hegemonia midiática".

A Venezuela realiza eleições presidenciais no dia 7 de outubro. A disputa é encabeçada por Chávez, na liderança das intenções de voto, e Capriles, candidato único da oposição.
 

continua após publicidade