Geral

Papa pede paz e 'silêncio das armas' na Síria

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Papa pede paz e 'silêncio das armas' na Síria
fonte:
Papa pede paz e 'silêncio das armas' na Síria

O papa Bento XVI pediu neste domingo (16) em Beirute, no Líbano, pela paz e pelo "silêncio das armas" na Síria e no Oriente Médio, região afetada por mudanças radicais nos últimos dois anos, durante uma missa realizada ante uma multidão de 350.000 pessoas, segundo os organizadores.

continua após publicidade

"Que Deus conceda a vosso país, à Síria e ao Oriente Médio, o dom da paz nos corações, o silêncio das armas e o fim de toda a violência", disse o pontífice em Angelus após a missa.

No terceiro dia de sua visita ao Líbano, em uma esplanada em frente ao mar, o pontífice disse: "Voltemo-nos agora para Maria, Nossa Senhora do Líbano, em torno da qual se reúnem cristãos e muçulmanos. Pedimos que ela interceda por vós e, em particular, pelos habitantes da Síria e dos países vizinhos, implorando o dom da paz".

continua após publicidade

Bento XVI pediu à comunidade internacional e aos países árabes para que encontrassem soluções para os sangrentos conflitos que assolam a região.

"Peço à comunidade internacional, aos países árabes para que, como irmãos, proponham soluções viáveis que respeitem a dignidade de cada pessoa, seus direitos e sua religião. Quem quer construir a paz deve cessar de ver no outro um mal a eliminar", disse o Papa.

Segundo o papa, a mensagem central de sua visita é a coexistência pacífica entre cristãos e muçulmanos, em uma sociedade "pluralista".

continua após publicidade

Com informações do g1.globo.com