Geral

Taleban ameaça matar príncipe Harry

Da Redação ·





SÃO PAULO, SP, 10 de setembro (Folhapress) - O grupo armado Taleban ameaçou hoje matar o príncipe Harry, neto da rainha Elizabeth 2ª, da Inglaterra. Ele chegou na semana passada para um treinamento militar com forças da Otan no Afeganistão.

Em comunicado às agências de notícias, os talebans afirmam que usarão "tudo o que tiver a seu alcance" para sequestrar e matar o membro da família real, que ficará quatro meses na base de Camp Bastion, na Província de Helmand.

"Estamos usando toda nossa força para nos livrarmos dele, seja sequestrando ou matando. Informamos nossos comandos em Helmand para fazer qualquer coisa para eliminá-lo", afirmou o porta-voz Zabihullah Mujahid.

Terceiro na linha de sucessão real, Harry iniciou na semana passada sua segunda missão em território afegão, onde forças britânicas fazem parte da coalizão da Otan na guerra contra o terrorismo e o Taleban, iniciada em 2001.

Piloto do helicóptero de combate Apache, o príncipe participou de uma missão no país asiático em dezembro de 2007, mas que foi encerrada após a imprensa internacional ter revelado a operação.

Por motivos de segurança, ele voltou ao Reino Unido em março de 2008, dez semanas após o início dos exercícios.
 

continua após publicidade