Geral

Secretaria orienta médicos a receitar medicamentos em suspeitas de Gripe A

Da Redação ·
Governo confirma reajuste de até 7,7% no preço dos medicamentos - Foto: Arquivo
fonte: Divulgação
Governo confirma reajuste de até 7,7% no preço dos medicamentos - Foto: Arquivo
continua após publicidade
A Secretaria de Estado da Saúde orienta os médicos para que receitem o antiviral oseltamivir para casos suspeitos de gripe A (H1N1). Desde o início do ano, já foram diagnosticados 62 casos da doença no Paraná, dos quais 34 confirmados neste mês. Foi registrada uma morte em decorrência da doença no Estado: um morador de Astorga, em março. Outro paranaense adoeceu e morreu no Nordeste, em janeiro, em decorrência da H1N1. 
“Os médicos podem solicitar a coleta de amostras até o quinto dia após o início dos sintomas para confirmar a síndrome gripal, mas não é necessário aguardar o resultado dos exames para prescrever o antiviral”, explica o superintendente de Vigilância em Saúde da secretaria, Sezifredo Paz. O medicamento é gratuito e é liberado nas unidades de saúde, mediante a apresentação da receita médica em duas vias. 
O modelo de prescrição do oseltamivir está disponível na página da Saúde na internet – www.saude.pr.gov.br. Todos os municípios paranaenses têm em estoque as apresentações pediátricas do medicamento (12 mg, 20 mg, 25 mg, 30 mg e 45 mg) e a adulta (75 mg).