Geral

Residência de oficial da PM é alvo de atentado em Maringá

Da Redação ·
A casa do capitão Rogelho Aparecido Fernandes, atualmente lotado Polícia Militar de Maringá, acabou atingida por vários tiros na madrugada desta quarta-feira (13)
fonte: Arquivo
A casa do capitão Rogelho Aparecido Fernandes, atualmente lotado Polícia Militar de Maringá, acabou atingida por vários tiros na madrugada desta quarta-feira (13)

A casa do capitão Rogelho Aparecido Fernandes, atualmente lotado Polícia Militar de Maringá, acabou atingida por vários tiros na madrugada desta quarta-feira (13). O oficial da PM, que durante mais de cinco anos trabalhou no Décimo Batalhão de Apucarana, estava na casa junto com sua esposa e mais quatro filhos. Ninguém ficou ferido.

Segundo o Serviço de Inteligência da PM de Maringá, duas em uma motocicleta teriam efetuado os disparos. Foram encontradas no local 12 cápsulas de pistola 9 milímetros.

Os projéteis acertaram as paredes do quarto do capitão e ainda danificaram dois veículos estacionados na garagem da residência.

|Além da PM, a Polícia Civil e o Instituo de Criminalística foram acionados para levantar dados sobre o caso. Até a tarde de hoje o motivo do atentado e o nome de suspeitos ainda não haviam sido apurados.

Outras situações similares já foram registradas em Maringá. Em 2011, a Câmara Municipal e a sede de uma emissora de televisão também foram alvos de atentados a tiros, mas ninguém ficou ferido.

continua após publicidade