Geral

Polícia vai pedir prisão preventiva de mulher de empresário assassinado

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Polícia vai pedir prisão preventiva de mulher de empresário assassinado
fonte:
Polícia vai pedir prisão preventiva de mulher de empresário assassinado
continua após publicidade
A Polícia Civil vai pedir a prisão preventiva de Elize Matsunaga, que confessou ter matado e esquartejado o próprio marido, Marcos Kitano Matsunaga, na zona oeste de São Paulo. A data do pedido, entretanto, ainda não foi definida. De acordo com o diretor do DHPP (Departamento de Homicídio e de Proteção à Pessoa), Jorge Carrasco, a polícia deve aguardar a conclusão do inquérito, prevista para acontecer nos próximos 15 dias, período em que Elize estará presa sob prisão temporária, de acordo com determinação da Justiça.  
— Ontem, com a perícia reexaminando o apartamento, constatou-se que tudo o que ela falou no depoimento espelha a verdade. Para nós, o caso está praticamente encerrado.
 
Na próxima segunda-feira (11), deve ser retomada a procura das três malas utilizadas por Elize para transportar os pedaços do corpo da vítima. No depoimento prestado nesta quarta-feira (6), ela disse ter jogado os objetos ao longo da rodovia Raposo Tavares. A polícia também quer encontrar a faca utilizada para retalhar o corpo. Uma busca já foi feita, mas os trabalhos foram prejudicados pelo mau tempo.