Geral

Gaeco prende 22 traficantes e desarticula 7 quadrilhas

Da Redação ·
continua após publicidade
Vinte e dois mandados de prisão e dezoito mandados de busca e apreensão foram cumpridos na manhã desta terça-feira (5), em Curitiba e região metropolitana, pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Paraná (Gaeco), que deflagrou a Operação Karst, com o apoio da Polícia Militar. O objetivo é desarticular aproximadamente sete quadrilhas de traficantes de drogas com atuação em Curitiba e Região Metropolitana e ramificações no sistema prisional do Estado. O nome da operação faz referência ao Aquífero Karst, de Almirante Tamandaré. As prisões foram deferidas pelo Juízo da Vara Criminal de Almirante Tamandaré e são resultado de cerca de cinco meses de investigações do Gaeco, em conjunto com a Promotoria de Justiça de Almirante Tamandaré.  Os mandados foram cumpridos em Curitiba, Almirante Tamandaré, Colombo, Pinhais, São José dos Pinhais e Araucária. A operação mobilizou cerca de 120 policiais militares.