Geral

Gaeco prende três policiais suspeitos de acobertar golpes em Maringá

Da Redação ·

Três policiais civis foram presos na quarta-feira (30), em Maringá, no norte do Paraná, durante uma operação realizada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público (MP), em conjunto com a Corregedoria da Polícia Civil. Eles são suspeitos de acobertar golpes de estelionatários na região e de receberem propina para liberar um caminhão apreendido.


Além dos três policiais, outros dois homens tiveram a prisão decretada pelo Judiciário de Maringá. Um deles é o dono do veículo liberado, enquanto o segundo utilizava documentos falsos para realizar operações financeiras, de acordo com o Gaeco.


Os policiais vão responder pelos crimes de corrupção passiva e violação de sigilo funcional, quando o servidor público revela dados que deveriam permanecer em segredo. Já os outros dois homens são acusados de corrupção ativa, estelionato e falsidade de documentos.


Batizada de “Mandrake”, a operação envolveu ainda seis mandados de busca e apreensão.

continua após publicidade