Geral

Polícia Federal faz vistoria nos aeroportos de Curitiba e Foz do Iguaçu

Da Redação ·
​Em São Paulo, o Aeroporto de Congonhas registrou 14 cancelamentos - Foto: Arquivo-imagem ilustrativa
fonte: Divulgação/ Infraero
​Em São Paulo, o Aeroporto de Congonhas registrou 14 cancelamentos - Foto: Arquivo-imagem ilustrativa
continua após publicidade
A Polícia Federal realizou uma “Operação Padrão” nos aeroportos internacionais Afonso Pena, na região de Curitiba, e de Foz do Iguaçu, nesta quinta-feira (19). A ação deve intensificar a fiscalização feita normalmente nos voos internacionais e nacionais, além da distribuição de panfletos sobre as condições de trabalho nos terminais.
 
 
A comandada pela Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), a operação é resultado da decisão da assembleia da categoria, realizada no dia 27 de março. O ato é protesto contra o número de funcionários terceirizados que fazem a triagem de passageiros nos embarques e desembarques dos voos, além da deficiência e precariedade da Polícia Federal nos aeroportos.
 
 
Em Curitiba e Foz do Iguaçu, as atividades começaram às 9h, e até as 10h15 nenhum incidente havia sido constatado, de acordo com o presidente do Sindicato dos Policiais Federais do Paraná (Sinpef-PR), Silvio Jardim. “Estamos fazendo a vistoria nas bagagens como deveria ser feito, posso garantir que os passageiros não estão tendo problemas”, disse ao G1.
 
 
Sílvio alega que o público tem sido simpático ao manifesto. “Nós estamos falando de insegurança. Estamos preocupados em melhorar as condições dos aeroportos, já que o país vai receber grandes eventos, nos quais pessoas do mundo inteiro virão para cá”, justificou o policial. De acordo com o Sinpef-PR, não há horário previsto para o final da manifestação. “Vai ser dentro do bom senso”, disse Jardim.
 
 
A Polícia Federal, afirmou por meio de assessoria, que não se pronunciaria sobre assunto, o qual considera “assunto sindical”. A Infraero também não se posicionou sobre a manifestação, mas confirmou que o protesto não tem causado problemas nos aeroportos.