Geral

Operação busca travestis e cafetões em Curitiba

Da Redação ·

A Delegacia de Homicídios deflagrou, na manhã desta quinta-feira (12), a operação "Mãos de Veludo", com objetivo de prender travestis e cafetões envolvidos em assassinatos e tráfico de drogas em Curitiba. A ação aconteceu na Rua Monsenhor Celso, no centro da Capital, na Rua Anne Frank no Boqueirão e na região da praça Ouvidor Pardinha, no bairro Rebouças.

continua após publicidade

A Delegacia quer cumprir cinco mandados de prisão. De manhã, apenas duas pessoas foram presas: Bruno Cardoso Martins Santos, 23, também chamada de Yasmim, e Kempz Vieira Guerra, de 23 anos, acusado de cobrar R$ 70,00 por noite de taxa de segurança para os travestis ocuparem pontos dominados por ele.

continua após publicidade

Kempz também é acusado da morte da travesti Joana (Ricardo Farias, 41) em 10 de outubro de 2011. Joana estaria tentando tomar os pontos de prostituição que ele teria no Boqueirão.

Ambos foram detidos em apartamentos de um prédio da Monsenhor Celso. Com eles foi apreendido maconha, R$ 1 mil em dinheiro e celulares. Os dois presos foram encaminhados para a sede da DH. Outros três travestis continuam sendo procurados. (com informações da Banda B)