Geral

Mulher é presa por dopar e roubar caminhoneiro

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Mulher é presa por dopar e roubar caminhoneiro
fonte: Divulgação/PRF
Mulher é presa por dopar e roubar caminhoneiro

Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal na Paraíba (PRF) prendeu na quinta-feira (12) uma mulher de 28 anos de idade suspeita de aplicar um golpe conhecido como 'boa noite Cinderela' em um caminhoneiro de 46 anos de idade, de São Paulo. O crime foi percebido por policiais que passavam pela BR-101 à tarde e encontraram o motorista dormindo ao volante, com a carreta ainda em movimento no meio da pista no km 94, no sentido João Pessoa-Recife.

continua após publicidade

De acordo com a PRF, uma garota de programa que estava no veículo teria confessado que diluiu dois comprimidos calmantes em refrigerante e deu para o caminhoneiro beber. Em um vídeo divulgado pelo órgão, é possível ver o motorista sendo retirado do veículo ainda desacordado (assista acima).

continua após publicidade

A primeira hipótese dos agentes era de que o motorista estaria embriagado. Ele foi retirado da carreta ainda desacordado e submetido ao teste do bafômetro, que descartou o consumo de bebida alcoólica. Durante a revista no veículo, a equipe encontrou com a mulher R$ 846 em dinheiro e um cheque de R$ 300 em seu bolso, pertencenten ao motorista. Também foram apreendidos com a mulher 50 comprimidos de uma substância calmante. Já nos pertences do motorista foram achados 30 comprimidos de uma substância estimulante conhecida como rebite.

continua após publicidade

Em depoimento na Delegacia da Polícia Civil do município de Pedras de Fogo, a mulher teria informado que viajava com o caminhoneiro desde a cidade de Aracati, no Ceará. Ela teria utilizado os comprimidos em João Pessoa, quando lanchava com o motorista em um posto de combustíveis.

Ainda conforme o depoimento, ela esperava que ele dormisse ainda no posto, o que facilitaria sua fuga, já que mora em um bairro próximo. Porém, o calmante só teria começado a fazer efeito quando o homem já estava no volante. Segundo a suspeita, os remédios teriam sido fornecidos por uma garota de programa em Fortaleza.

continua após publicidade

Depois de autuada em flagrante por tráfico de drogas e roubos, a Polícia Civil também constatou que a mulher tinha um mandado de prisão em aberto expedido na Paraíba também por tráfico. Ela permaneceu detida e o motorista foi encaminhado ao Hospital de Trauma de João Pessoa para receber atendimento médico.