Geral

Sobe para 10 o número de mortes ligadas ao Irene nos EUA

Da Redação ·
 O furacão Irene chega a Nova York, após provocar nove mortes na costa leste dos Estados Unidos, e esvazia a ponte que liga os distritos de Manhattan e Brooklyn
fonte: AFP
O furacão Irene chega a Nova York, após provocar nove mortes na costa leste dos Estados Unidos, e esvazia a ponte que liga os distritos de Manhattan e Brooklyn

Já chega a 10 o total de vítimas fatais relacionadas à passagem do furacão Irene pela costa lese dos Estados Unidos, segundo informa a rede CNN na manhã deste domingo. As mortes ocorreram persona em Maryland, na Florida, na Virginia (3) e na Carolina do Norte (5). O balanço anterior, realizado no final da noite de sábado, somava nove mortos.

continua após publicidade

Irene tocou o solo americano na manhã de ontem, com ventos de 140 km/h e classificado como furacão de categoria 1. Durante o dia, ele manteve seu curso ao norte pelo leste americano, e, nas primeiras horas de hoje, já havia chegado a Nova York. Milhares de pessoas abanadonaram suas casas, deixando as ruas da cidade da vazias.

ainda hoje, o presidente americano, Barack Obama, oficzializou o estado de emergência no litoral oeste do país, abrindo espaço para o socorro às vítimas do furacão. Além das mortes, o Irene já deixou mais de três milhões de pessoas sem eletricidade e provocou séries de interrupções no tráfego aéreo americano da região.

continua após publicidade

A zona leste americana, que abrange as metrópoles de Nova York, Washington e Boston, é uma das mais populosas do mundo, com 65 milhões de habitantes. Ainda na sexta-feira os Estados Unidos deram início a uma evacuação inédita de mais de 300 mil pessoas.